Total de visualizações de página

sábado, 26 de fevereiro de 2011

LINHA DO TEMPO SOBRE EaD NO BRASIL

LINHA DO TEMPO SOBRE EaD NO BRASIL

Educação a Distância é uma proposta de ensino na qual a presença física de alunos e professores em tempo e espaço real não é exigível, para que haja a transferência e absorção de conhecimento. Em nível superior, o surgimento dessa modalidade de ensino dá-se na Inglaterra na década de 70, para atender uma demanda de profissionais interessados em continuar seus estudos, porém sem tempo para fazê-lo.

No Brasil, conforme pesquisa do Prof. Dr. Vagner Bernal Barbeta do Departamento de Física da Faculdade de Engenharia Industrial (FEI), há registros de oferta de cursos por correspondência que datam de 1891. Ainda referente aos dados colhidos por Barbeta, aqui no Brasil na década de 70 tivemos o Projeto Minerva, que fazia uso do rádio com finalidades educacionais. Posteriormente os programas Telecurso 2º grau, Telecurso 2000, TV Senai e o Projeto TV Escola dominaram a telinha a partir da década de 80.

Barbeta revela ainda em sua pesquisa que a modernização do sistema de ensino já vem sendo alvo de iniciativas governamentais há muito tempo. Em 1996 a Lei 9.394/96 de 20 de dezembro de 1996 ( Lei de Diretrizes e Bases da Educação – LDB ), em seu artigo 80, dispõe sobre a possibilidade de se realizar educação a distância em todos os níveis e modalidades de ensino, abrindo a possibilidade de concessão de diploma reconhecido aos participantes de cursos de graduação, mestrado e de doutorado a distância. A regulamentação veio com decreto nº 2494/98, de 10 de fevereiro de 1998, e a portaria nº 301, de 7 de abril de 1998, normalizou o credenciamento de instituições que queiram oferecer cursos de graduação e educação profissional a distância, tornando efetivamente possível a oferta de tais cursos.

No Brasil, a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) é uma das pioneiras na criação de uma Universidade Virtual, que através do Laboratório de Ensino a Distância (LED), desenvolvido em 1995, oferece cursos de pós-graduação nas áreas de Administração e de Engenharia de Produção. Podemos ainda mencionar o Instituto de Física da Universidade de São Paulo, campus de São Carlos, que possui um programa voltado para o ensino de Física para alunos do 2º grau; e a Faculdade de Medicina da Universidade Federal de São Paulo, a qual possui um programa de especialização de profissionais da área médica chamada UNIFESP Virtual.

Igualmente importante é a pesquisa desenvolvida por Mônica Maria Martins de Souza << Faculdade Anchieta >> sobre a implantação de cursos de educação a distância da área de Tecnologia de Gestão no ABC paulista no ano de 2005. Parte dos alunos era composta por desempregados e oriundos de famílias de baixa renda, enquanto a outra metade de funcionários bancados por empresas. Explica Mônica que todos tiveram mudança radical no comportamento por conta dessa nova expectativa de ensino.

Em 2007 é a vez da UFSCar oferecer à modalidade de ensino a distância cursos de graduação em parceria com o projeto Universidade Aberta do Brasil. De imediato os cursos oferecidos são: Educação Musical (Licenciatura), Engenharia Ambiental, Sistemas de Informação e Pedagogia.

LINHA DO TEMPO EaD NO BRASIL

Década de 70 -  Criação do Projeto Minerva que fazia uso do rádio com finalidades educacionais.

A Partir da Década de 80 - Implantação de programas educacionais na TV, tais como: Telecurso 2º grau, Telecurso 2000, TV Senai, Projeto TV etc. que muito contribuíram para uma homogeneidade do povo brasileiro.

Década de 90 -  Lei 9.394/96 de 20 de dezembro de 1996 ( Lei de Diretrizes e Bases da Educação – LDB ), em seu artigo 80, dispõe sobre a possibilidade de se realizar educação a distância em todos os níveis e modalidades de ensino, abrindo a possibilidade de concessão de diploma reconhecido aos participantes de cursos de graduação, mestrado e de doutorado a distância.

O Decreto nº 2494/98, de 10 de fevereiro de 1998, e a portaria nº 301, de 7 de abril de 1998, normalizou o credenciamento de instituições que queiram oferecer cursos de graduação e educação profissional a distância, tornando efetivamente possível a oferta de tais cursos.

Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) é uma das pioneiras na criação de uma Universidade Virtual, que através do Laboratório de Ensino a Distância (LED), desenvolvido em 1995, oferece cursos de pós-graduação nas áreas de Administração e de Engenharia de Produção.

Instituto de Física da Universidade de São Paulo, campus de São Carlos, que possui um programa voltado para o ensino de Física para alunos do 2º grau; e a UNIFESP que possui programa de especialização na área médica.

Anos 2000 Em 2005 dá-se Implantação dos cursos de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos, Marketing de Varejo e de Logística com ótima receptividade por parte dos alunos da Faculdade Anchieta ABC paulista.

Em 2007 é a vez da UFSCar oferecer à modalidade de ensino a distância cursos de graduação em parceria com o projeto Universidade Aberta do Brasil. De imediato os cursos oferecidos são: Educação Musical (Licenciatura), Engenharia Ambiental, Sistemas de Informação e Pedagogia, com a proposta: Universidade Pública, Gratuita e de Qualidade.

Atualmente o sistema de ensino a distância conta com um sem número de instituições particulares oferecendo os mais diversos cursos superiores nessa modalidade. O que se espera é que o nível seja mantido alto, de modo a incluir no mercado de trabalho uma imensa população que necessita de ampliação de conhecimentos para ser cooptada pelo mercado de trabalho.

Referências Bibliográficas:

BARBETA, Vagner Bernal. Ensino a distância e os novos desafios à educação. Artigo colhido no site www.ead.unicamp.br

SOUZA, Mônica Maria Martins de. Educação a distância e curso superior de tecnologia em gestão: uma experiência bem sucedida no ABC paulista. Faculdade Anchieta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário